Lula: Brasil é parceiro ideal para impulsionar uma revolução agrícola em Angola

Lula: Brasil é parceiro ideal para impulsionar uma revolução agrícola em Angola

“Nos últimos anos, lamentavelmente o Brasil tratou os países africanos com indiferença. Deixamos de atuar juntos, mas agora vamos corrigir esses erros”, disse o presidente, em visita ao país africano

DE VOLTA A ANGOLA

O presidente Lula expressou nesta sexta-feira (25) o compromisso do Brasil em apoiar Angola nos esforços para diversificar sua economia, destacando que há espaço para o comércio entre as duas nações crescer, informa a agência Reuters.  

Em visita ao país africano depois de participar da cúpula do BRICS em Johanesburgo, Lula disse que vê o Brasil como o “parceiro ideal” para Angola impulsionar a revolução agrícola pela qual está lutando, também vislumbrando “soluções conjuntas para o desenvolvimento sustentável”. “Nos últimos anos, lamentavelmente o Brasil tratou os países africanos com indiferença. […] Deixamos de atuar juntos, mas, agora, vamos corrigir esses erros”, declarou, em coletiva de imprensa, ao lado do presidente angolano, João Lourenço.

Lula disse também que vê oportunidades significativas para a Embraer se estabelecer como presença importante na África através de Angola, já que a unidade de defesa da empresa busca uma maior internacionalização.

Por ocasião de sua visita ao país, o presidente brasileiro foi agraciado com a Ordem António Agostinho Neto, a mais alta distinção concedida pelo Estado angolano a personalidades nacionais e estrangeiras, aponta a agência cubana Prensa Latina.

Durante uma sessão solene na Assembleia Nacional de Angola, a presidente da casa, Carolina Cerqueira, disse que tanto o seu país quanto o Brasil compartilham valores, aspirações e um destino comum, além de terem vontade de manter fortes os seus laços históricos e trabalharem juntos para enfrentar os desafios globais.

NO ZAP DO GOLPE

Um ex-segurança presidencial de Lula foi descoberto como participante de um grupo de Whatsapp com membros do Exército que defendiam um golpe de Estado. As informações são do Brazilian Report.

A descoberta aconteceu após a apreensão do celular do ex-ajudante de ordens de Bolsonaro, Mauro Cid, que também participava do grupo. Além de defender um golpe por meio de intervenção militar, o grupo também incluía mensagens insultando o Ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes.

 O segurança em questão, Tenente Coronel André Luis Cruz Correia, foi demitido em 11 de agosto, após a Policial Federal ter fornecido a informação ao governo. Correia era membro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) e prestou segurança ao presidente Lula em pelo menos cinco viagens internacionais.

(IN)VOLUNTARIAMENTE

A agência Europa Press reporta que Jair Bolsonaro apresentou – segundo seus advogados, “maneira voluntária” e para afastar “a necessidade de se movimentar a máquina pública para apurar os dados […] em questão” – os extratos bancários referentes aos quatro anos de seu mandato como presidente, uma semana após o ministro Alexandre de Moraes, do STF, ordenar a quebra do sigilo bancário de suas contas e das de sua esposa, no âmbito da investigação sobre as joias sauditas.

Em contrapartida, a defesa do ex-presidente solicitou o sigilo da documentação entregue para evitar vazamentos de sua movimentação bancária. Entre as informações contidas nos extratos, constam registros de vendas de veículos e reembolsos de despesas médicas.

Bolsonaro foi internado em São Paulo, na última quarta-feira (23), “para avaliar sua condição clínica”, e foi submetido a uma série de exames de rotina, relata a Associated Press. Ele teve alta ao final da tarde de ontem (24), quando retornou para Brasília.

TAL PAI…

O filho caçula do ex-presidente foi alvo de buscas no âmbito de uma investigação por suposta lavagem de dinheiro na manhã de quinta-feira (24). O português Correio da Manhã reporta que, segundo a polícia, Jair Renan e outras seis pessoas são acusados de criar empresas fictícias para esconder o enriquecimento ilícito e a origem de bens e propriedades cuja posse não poderiam justificar com seus rendimentos legais.

A operação cumpriu cinco mandados de busca e apreensão e dois de prisão. Maciel Carvalho, um dos amigos mais próximos e ex-instrutor de tiros de Jair Renan Bolsonaro, identificado como o principal alvo da investigação, foi levado pela polícia. Leonardo Cardoso, comissário-chefe do Departamento de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado (Decor) e da Polícia Civil do Distrito Federal (DF), disse que um dos mandados de prisão não pôde ser cumprido porque o suspeito estava foragido, diz a publicação da agência pública de notícias da Argentina, Télam.

INVERNO ATÍPICO

No britânico Independent, a notícia de que grande parte do Brasil tem enfrentado temperaturas acima de 41°C ao longo da semana, devido a uma onda de calor atípica no inverno sul-americano. Quatro capitais estaduais registraram as maiores temperaturas do ano, com Cuiabá alcançando 41,8°C. A rara onda de calor afetou 19 dos 26 estados do Brasil e a capital, Brasília. A umidade do ar caiu para menos de 20% nos estados nordestinos da Bahia e Piauí, levando o governo a aconselhar precauções e permanência em ambientes internos durante os picos de calor.

“É provável que no futuro os invernos fiquem cada vez mais quentes”, diz Fabio Luiz Teixeira, professor de ciências atmosféricas da Universidade de São Paulo, em publicação do argentino Clarín. Segundo os cientistas, as altas temperaturas são consequência das alterações climáticas e do recente reaparecimento do fenômeno El Niño.

*Imagem em destaque: Luanda, Angola, 25.08.2023 – Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, durante a cerimônia de condecoração com a Ordem Dr. António Agostinho Neto, e do Presidente João Lourenço com a Ordem Nacional do Cruzeiro do Sul, no Palácio Presidencial de Angola. Luanda – Angola. Foto: Ricardo Stuckert/PR

Tagged: , , , , , , , , ,

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.